Seg. à Sex. das 09h às 20h | Sábados das 09h às 13h e das 15h às 19h | Domingos segundo escala de serviço

Check Saúde








Colesterol Total

O colesterol é um lípido sintetizado endogenamente no fígado ou proveniente dos alimentos de origem animal.

O seu teor no sangue está intimamente associado às doenças cardiovasculares, sendo estas as que mais contribuem para a mortalidade nos países industrializados. Assim sendo, é muito importante a determinação regular do colesterol total no sangue, do colesterol-HDL e do colesterol-LDL para identificar e monitorizar situações de hipercolesterolémia.

Ao circular no sangue, o colesterol necessita de ser transportado associado a proteínas – lipoproteínas, que podem ser de baixa (LDL) ou alta densidade (HDL).

As LDL são responsáveis pelo depósito do colesterol em excesso no sangue nas paredes das artérias, enquanto que as HDL transportam o colesterol de volta para o fígado onde é eliminado ou metabolizado.

Valores elevados de colesterol total e de colesterol-LDL estão relacionados com o aumento do risco cardiovascular, enquanto que valores elevados de colesterol-HDL são protectores do risco cardiovascular.

A determinação do colesterol efetua-se recorrendo a uma amostra de sangue capilar obtida através de uma simples picada no dedo e pode ser feita a qualquer hora do dia, não sendo necessário jejum.


Valores de referência
 (valores alvo):

·        Colesterol total: <190 mg/dL

·        Colesterol-LDL: <115mg/dL

·        Colesterol-HDL:  >46 mg/dL (mulher)

                                        > 40 mg/dL (homem) 

Custo Colesterol total:
 3 €

 

Glicémia

É um parâmetro que corresponde à concentração de glicose (açúcar) no sangue. A determinação da glicémia permite o rastreio, detecção e monitorização de situações de hiperglicémia (excesso de açúcar no sangue) e hipoglicémia (quantidade de açúcar no sangue inferior à normal) associadas à diabetes mellitus. Os sintomas mais comuns de hiperglicémia são sede, cansaço e urinar em excesso, enquanto que a hipoglicémia se caracteriza pelo aparecimento de suores, tremores, ansiedade e fraqueza.

A diabetes mellitus é um grupo de doenças metabólicas de origem múltipla, que se caracteriza pelo aumento crónico dos níveis de glicose no sangue (hiperglicémia), com alteração dos metabolismos glucídico, lipídico e proteíco e que resulta de alterações na secreção ou acção da insulina, ou em ambas. (OMS)

Diabetes mellitus tipo 1 – Caracteriza-se pela carência de insulina produzida pelo pâncreas, sendo que os doentes são insulinodependentes. É mais rara que a tipo 2 e mais frequente nas crianças e jovens.

Diabetes mellitus tipo 2– Caracteriza-se pela produção suficiente de insulina pelo pâncreas, mas existe uma resistência por parte das células à acção da insulina. É mais comum em adultos e o seu tratamento envolve, na maioria dos casos, o recurso a antidiabéticos orais, a adopção de uma dieta alimentar equilibrada e a prática regular de exercício físico.

A diabetes mellitus está associada ao aparecimento de várias complicações, como lesões renais, nervosas, doenças cardiovasculares, retinopatias, pé diabético e infecções diversas.

Como forma de prevenir a diabetes é importante seguir um estilo de vida saudável, com a prática regular de exercício físico e bons hábitos alimentares. Doentes diabéticos devem proceder a um controlo regular e rigoroso dos níveis de glicose e lípidos no sangue, vigiar órgãos mais sensíveis como os rins, coração, retina, entre outros e ainda ter cuidados redobrados na higiene e vigilância dos pés.

Quando se verificam alterações dos níveis de glicose em jejum e de tolerância à glicose, pode-se estar perante situações de pré-diabetes e o risco de desenvolvimento de diabetes encontra-se aumentado.

A determinação da glicémia é um teste que deve ser efectuado em jejum  (de 8 horas) mas pode também ser realizado após as refeições (pós-prandial). No entanto, devem evitar-se refeições exageradas, consumo de álcool e exercício físico antes da realização dos testes. Efectua-se recorrendo a uma amostra de sangue capilar obtida através de uma simples picada no dedo. Alterações na glicose em jejum ou pós-prandial podem estar relacionadas com o desenvolvimento de complicações ao nível vascular.

 

Valor de referência:

Glicémia em jejum: 60 – 109 mg/dL

Glicémia pós-prandial: <140 mg/dL

Custo do serviço: 
1,50 € 

 

Peso, Altura e IMC

O excesso de peso é um dos principais factores de risco cardiovascular, tendo uma prevalência muito elevada nos países desenvolvidos. O estilo de vida moderno, associado a uma alimentação desequilibrada (ingestão excessiva de gorduras e açúcar) e ao sedentarismo, leva ao aumento da gordura corporal.

IMC (Índice de Massa Corporal) é um dos parâmetros que permite determinar situações de excesso de peso e obesidade.

IMC = Peso (Kg) / Altura2 (m)




Classificação

IMC (Kg/m2 )

Baixo peso

<18,5

Normal

18,5 – 24,9

Pré-Obesidade

25,0 – 29,9

Obesidade Classe I

30,0 – 34,9

Obesidade Classe II

35,0 – 39,9

Obesidade Classe III

?40

Indivíduos obesos têm maior risco de desenvolver problemas de saúde, como hipertensão arterial, diabetes mellitus tipo II, hipercolesterolemia, AVC, enfarte agudo do miocárdio, entre outros.

O cálculo da composição corporal é também útil na avaliação do risco cardiovascular. A determinação da composição corporal baseia-se no princípio de que a gordura corporal tem uma baixa condutividade elétrica, juntamente com as informações da altura, peso, idade e sexo do indivíduo.

Assim, consegue determinar-se a percentagem de gordura corporal, que corresponde à quantidade de massa corporal gorda em relação ao peso total do corpo, expressa em percentagem. Consoante a distribuição de gordura no corpo, é classificada em gordura visceral ou gordura subcutânea.

Gordura Visceral: corresponde à gordura que se encontra à volta dos órgãos internos. O excesso de gordura visceral está relacionado com maiores níveis de gordura na corrente sanguínea, o que pode levar ao aparecimento de doenças como a diabetes e hiperlipidémias.

Gordura Subcutânea: corresponde à gordura que se encontra sob a pele. Apesar de não estar diretamente ligada ao aumento do risco de doenças, pensa-se que aumenta a pressão no coração e pode implicar outras complicações.

É importante ter em conta que a percentagem de gordura corporal muda durante o dia-a-dia, e por isso há alturas recomendadas para efectuar a medição da Percentagem de gordura corporal:

- Depois de acordar,

- Antes do almoço e cerca de 2 horas ou mais depois do pequeno-almoço,

- À tarde, cerca de 2 horas ou mais depois do almoço e antes de tomar banho ou jantar,

- Antes de ir dormir e cerca de 2 horas ou mais depois de jantar ou de tomar banho.

 

Custo do serviço:

Determinação da composição corporal (peso, altura, IMC, massa muscular): 1,50 €

Peso e altura: 0,50 € 

 

Pressão Arterial

Considera-se Hipertensão Arterial todas as situações em que o valor de pressão arterial sistólica (máxima) é superior ou igual a 140 mmHg e o valor de pressão arterial diastólica (mínima) é superior ou igual a 90 mmHg. Os principais fatores de risco associados à Hipertensão são a obesidade, o sedentarismo, o consumo excessivo de sal e bebidas alcoólicas, o tabagismo e o stress.

A pressão arterial ideal para minimizar o risco de problemas cardiovasculares situa-se abaixo de 120 mmHg a sistólica e de 80 mmHg a diastólica.

Prevenção da Hipertensão Arterial:

Praticar exercício físico e seguir uma alimentação equilibrada, reduzir a ingestão de sal e o consumo diário de álcool, indivíduos com excesso de peso devem emagrecer até atingirem o seu peso ideal e fumadores devem deixar de fumar.

Custo do serviço:  0,50 €

 

Triglicéridos

Os triglicéridos são lípidos provenientes da alimentação, que podem ter origem vegetal ou animal, ou são produzidos endogenamente pelo corpo humano. Constituem cerca de 95% do armazenamento tecidular de gorduras e são utilizados pelos músculos como reservas de energia.

Níveis de triglicéridos elevados constituem um fator de risco independente das doenças cardiovasculares, e estão muitas vezes associados a níveis alterados de colesterol total, C-LDL, C-HDL, pressão arterial e glicémia, e a doenças como a diabetes mellitus e a obesidade.

Tendo em conta que os triglicéridos são considerados um importante marcador de doenças cardiovasculares e metabólicas, tem todo o interesse a determinação da sua concentração no sangue.

Essa determinação efetua-se recorrendo a uma amostra de sangue capilar obtida através de uma simples picada no dedo. Deve ser realizada com um jejum de 12 horas, uma vez que a principal origem dos triglicéridos no organismo é a alimentação o que poderia influenciar os resultados obtidos.

Recomenda-se a determinação regular dos triglicéridos mesmo sem ser em jejum, mas deve-se evitar a ingestão de álcool e alimentos muito calóricos antes da realização do teste, assim como a realização de exercício físico intenso.

Valor de referência: Triglicéridos: <150 mg/dL (<1,7 mmol/L)


Custo do serviço:
 3 €